sexta-feira, 25 de junho de 2010

Adeus carro "velho", olá carro "novo"!

Este fim de semana passado, terminou o contrato que tinha com o carro da empresa e, uma vez que quem estava a utiliza-lo era a minha esposa que só precisava dele para fazer 5 kms por dia útil, resolvemos não querer outro da empresa, mas sim o dinheiro equivalente, e nós mesmo compraríamos um mutchibumbo qualquer.
Então, como já disse, este fim de semana lá deixei o carro, e fomos à procura de um chaveco velho, mas velho mesmo!!!
Demos voltas e voltas pelo Distrito de Lisboa, vimos carros completamente enferrujados, carros cujo vendedor queria mostrar e eles não pegavam, lindo!! Nunca me passava pela cabeça comprar um carro que não pegasse quando o vendedor estaria a fazer a sua demonstração. Que vendedores mais desleixados.

Pois é, este fim de semana fizemos à volta de 300 Kms só a procurar carro, e curiosamente, quando já tínhamos desistido da ideia, pelo menos para este fim de semana, acabamos por encontrar um jeitosinho a 1,5 Kms de casa.
Comparando com todos os outros, está excelente, tem umas coisitas que não funcionam (como a buzina) mas nada de grave. Também para um carro com 16 anos, não se pode esperar muito.

Então aqui vão as fotos, não se deixem enganar, sim passamos de cavalo para burro, mas é mesmo assim. O da esquerda era o nosso "velho" de 2007, e o da direita é o nosso "novo" de 1994.





Então ficamos (mais a Raquel que eu) com um Renault Clio 1.2 de 5 portas, com 182.870 kms. Temos ideia de ficar com o carro durante 1 ano, depois trocamos por outro chaveco mais recente (pelo menos com menos 2 anos que este :) ), e por isso, muito provavelmente nem chegamos aos 200.000 Kms.

Agora só resta saber se nos vai dar problemas durante os próximos 365 dias. Esperemos que não....
Enviar um comentário