quarta-feira, 14 de outubro de 2009

Aniversário de Namoro

Hoje vou falar sobre o dia 2 de Outubro que aconteceu há cerca de 2 semanas. Só ainda não tinha falado sobre isso porque o trabalho assim me tem impedido.

O que aconteceu nesse dia? Além de todo o trabalho que tive para os preparativos do batizado/aniversário do Guilherme, esse dia também é o dia em que eu e a Raquel fazemos o aniversário de Namoro. Pois é, fizemos 10 anos de Namoro. E há 10 anos atrás como foi esse dia? Passo a explicar.

Tudo começou num dia em meados de Setembro de 1999, estava eu e o meu grande e velho amigo Samuel de férias quando o Samuel recebe um mail de uma amiga, de nome Tânia que tinha conhecido no Algarve. Depois de várias conversas entre eles, resolveram combinar um encontro. Ela levava amigas e ele levava o seu amigo, cá o Je. E então o encontro foi marcado no "Bingo". Ora, o primeiro bingo que me ocorreu foi o de Alvalade. Lá fomos nós todos bimbões esperar pelas meninas. Esperamos, esperamos, e nada. Nessa altura nenhum de nós tinha telemóvel, e assim era difícil contactar-nos para saber o que se passava.

Ao fim de muito tempo, resolvemos ir para casa. Chegando a casa, o Samuel recebe um telefonema a dizerem-lhe que ainda lá estavam à espera e queriam saber o que se passava. Até que nos apercebemos que elas esperavam no Bingo do Centro Comercial do Colombo e nós no Bingo de Alvalade.

O Samuel queria voltar lá, mas eu já não queria. Após muita insistência dele (felizmente) lá cedi e fomos novamente. Chegamos junto à porta do Bingo e esperamos, não muito tempo depois lá vinham elas a descer as escadas, uma delas acendeu uma chama em mim que me fez mirá-la de tal forma que não olhei para as outras. No fim, ela foi-se embora e eu desenrasquei-me com outra qualquer, lol tou a brincar. Continuando..... lá tivemos com elas o resto do dia, conversamos e por aí ficou. Ficamos de combinar um encontro novamente mas no Barreiro que era onde elas moravam.

Ao fim de umas semanas, combinamos encontrar-nos todos novamente no dia 2 de Outubro.

Lá fomos, almoçamos com elas, fomos ao cinema, e depois a meio da tarde fomos comer um geladito no Burger King (actual Queens Burger) do FeiraNova no Barreiro. Ficamos por aí mesmo na conversa e eu continuava sempre a olhar fixamente a olhar para a tal. Até que tomei coragem, perguntei se ela queria ir lá fora inventando uma desculpa e ela aceitou o que me fez ganhar mais coragem para lhe pedir em namoro. E, enquanto caminhava-mos, sem entrar em muitos pormenores lá a pedi em namoro, ela aceitou e demos o nosso primeiro beijo.

Desde esse dia, nunca mais olhei para outra mulher, ou melhor, obviamente que olhei como todos olhamos, mas nenhuma me despertou nada que chegasse sequer aos calcanhares da minha namorada actual mulher.

Já passamos por todo o tipo de momentos. Momentos de muita alegria, muita tristeza, já nos chateamos como todos os casais, mas o nosso amor é maior do que essas chatisses todas, e por isso continuamos felizes um com o outro.

Raquel, sabes o que sinto por ti não sabes? Digo-te muitas vezes, se calhar não to digo as vezes que querias, talvez pela minha personalidade não ser desse género. Sabes que não sou pessoa de estar constantemente a falar nisso, mas acho que os meus olhos te dizem tudo. Amo-te muito muito, cada dia que passa amo-te mais. O Guilherme é o primeiro fruto do nosso amor, mais frutos virão :)

E pronto, foi assim esse dia. Nesta sexta-feira dia 2 de Outubro de 2009 depois do nosso trabalhito fomos jantar fora num restaurante, e pouco mais fizemos nesse dia, estavamos tão cansados que nem um cineminha fizemos. Restaurante esse que ainda não adicionei aqui no blog, mas que o vou fazer no próximo Post.
Enviar um comentário